Intel lança nova geração da plataforma Centrino Duo

A Intel acaba de anunciar o lançamento da nova geração da plataforma Intel Centrino Duo, codinome Santa Rosa, para computadores portáteis, prometendo mais poder de processamento, maior eficiência no consumo de energia, maior velocidade no acesso wireless, inicialização mais rápida do computador e mais segurança.

Baseada nos processadores Intel Core 2 Duo, a nova plataforma Centrino Duo traz também chipset Intel 965 Express com suporte a tecnologia Intel Clear Video para reprodução de conteúdo em alta definição, inclusive em TVs HD com a ajuda do Intel TV Wizard. Há suporte total à interface Aero e todos os efeitos especiais do Windows Vista Premium.

A conectividade em rede é garantida com o chipset Intel Next-Gen Wireless N, capaz de se conectar a redes sem fio de alta velocidade nos padrões 802.11A e G (54 Mb/s) e N (300 Mb/s, cadê o 802.11B?). Já o opcional Intel Turbo Memory promete reduzir em até 20% o tempo necessário para ligar ou reiniciar o computador. É a implementação da Intel de um “cache” de dados em memória Flash embutida na placa-mãe.

Os componentes da nova plataforma Centrino Duo.

Os componentes da nova plataforma Centrino Duo.

Máquinas equipadas com o novo produto já estão começando a aparecer no mercado. Lá em Shangai meu colega Henrique Martin viu o HP Pavillion HDX, também conhecido como The Dragon, que usa a plataforma Centrino Duo combinada a uma placa de vídeo ATI Mobility Radeon HD 2600 XT, parte da nova linha de placas de vídeo Radeon HD 2000, ainda não anunciada oficialmente mas que todo mundo sabe que existe.

Segundo a Intel, também há a intenção de promover o uso da nova plataforma em PCs desktop pequenos (alguém mais pensou num Mac Mini ou similar?) e sistemas multimídia equipados com a tecnologia Viiv (que até agora não decolou).

Especulando um pouquinho, temos uma Apple Worldwide Developers Conference (WWDC) em 11 de Junho e a Apple está se tornando conhecida por adotar rapidamente os novos produtos da Intel. Alguém mais aposta em uma linha de Macbook Pro equipada com o novo chipset?