Positivo Mobo: “companheiro de aventuras”

Positivo MoboEstive hoje pela manhã na coletiva da Positivo Informática onde foi feito o anúncio de lançamento do Mobo, o subnotebok “EeePC-like” da empresa, e confesso que fiquei bastante interessado no “brinquedo”.

Sim, ele é limitado: tem pouca RAM, “quase nada” de espaço em disco e um monitor bem pequeno (7 polegadas a 800×480), e já posso ouvir gente reclamando que “não cabe nada de MP3”, “o processador é fraco”, “não dá pra jogar com essa placa de vídeo” e “com mais R$ 500 você compra um notebook de verdade”. Sinceramente, se você está preocupado com qualquer um destes pontos, o Mobo não é um computador para você.

Ele não é um substituto para um notebook “comum”, muito menos para seu PC desktop. Ele é um “companheiro”, uma máquina leve e barata para levar para todo lugar e garantir acesso decente à internet e aos recursos básicos em um computador hoje em dia. E nisso ele se sai muito bem. Rapidamente posso imaginar vários usos para ele: o estudante que toma notas durante a aula, o repórter que cobre um evento e precisa mandar fotos e texto para a redação, o executivo ou escritor que quer dar uma refinada em um documento ou texto importante no avião, e por aí vai.

O pouco tempo que tive para mexer no Mobo não me permitiu fazer uma análise detalhada (ela está vindo, em breve), mas a impressão inicial é de um micro “esperto”. O BrOffice.org (que estava pré-instalado) abriu em poucos segundos, e a navegação na internet também foi bem tranquila.

Dos 2 GB de espaço em disco, 915 MB estavam livres para usuário: o resto era ocupado pelo Windows XP SP2. Expandir o espaço é fácil: basta espetar um cartão SD (já há modelos de até 32 GB no mercado) no slot debaixo do trackpad. Ou usar um pendrive ou HD externo.

O boot é bem rápido, e graças à ausência de partes móveis (nada de HD ou drive de CD) ele é absolutamente silencioso. O teclado e o trackpad são pequenos e podem trazer problemas para quem tem mãos grandes, é preciso um tempo para se acostumar. Pessoalmente, recomendo trocar o trackpad por um mouse externo.

E uma curiosidade quanto ao monitor. A resolução nativa é a mesma do EeePC: 800 x 480 pixels (ou seja, widescreen). Mas a Positivo inclui um programa que permite um modo com a resolução mais convencional de 800 x 600 pixels, embora a imagem fique meio “amassada”. Na verdade, usando o painel de controle do Windows consegui forçar até 1024 x 768 pixels, mas tudo fica pequeno demais em uma tela de 7 polegadas.

O Mobo (e máquinas na mesma categoria, como o Asus EeePC, MSI Wind, Everex Cloudbook e HP Mini-Note) colocam em prática boa parte dos conceitos que eu esperava ver no Palm Foleo e, como já mencionei em outro post, me lembram de máquinas em uma categoria de mercado já esquecida, os Palmtops como o Atari Portfolio. O hardware é adequado, e o preço é justo (R$ 999). Só resta saber se o povo vai abraçar a idéia. Eu já encomendei o meu.

E se você ficou curioso, aproveite e dê uma olhadinha em meu set de fotos do micro, lá no Flickr.

28 thoughts on “Positivo Mobo: “companheiro de aventuras”

  1. Estou estremamente desgostoso do meu computador, em memos de 4 meses tive os seguintes problemas:

    1) Teclado inoperante, precisei trocar o teclado (Estava na garantia, mas o valor é de R$400,00)

    2) Defeito na placa mae, foi necessario a troca (Estava na garantia, mas o valor é de R$600,00)

    3) O cd de instalação nao funciona, já mandei varios e-mail para o suporte tecnico e o meu cd nunca chegou (segue abaixo os e-mails)

    4) Agora o computador parou de funcionar de vez !!!!! Nem liga mais !!!!

    O tecnico da assistencia anda me falou: “É um noteook barato, vc nao pode esperar muito dele” (Eu paguei bem caro, quero qualidade)

    Quero o meu dinheiro de volta ou outro equipamento, nao quero mais esta bomba … quando acabar a garantia estou ferrado !!!!

    Modelo: Positivo Mobo

  2. Ola…
    galera, alguem poderia me ajudar…
    tenho um mobo tambem, e esta com metasys, gostaria de instalar o windows xp nele, mas nao da certo…
    consigo o boot, copiar arquivos, mas na hora q esta finalizando a instalação, e pede pra reiniciar, vai normal, mas qndo da o boot,novamente e começa a carregar, da tela azul.
    alguem ja viu isso??
    e o pior, que agora naum posso mais usa-lo, pois nao tem mais nada de sistema operacional nele

  3. Quando chegou o Mobo tinha 1,5 G de SSD ocupado pelo Windows, e 500M livres. Foi só espetar o cabo de rede e começaram as atualizações. Em poucos minutos acabou o SSD. E ainda nem instalei o SP3, o antivirus e o firewall. Ou seja, ainda nem comecei e já não tem mais espaço de armazenamento. Como é que a Positivo lança um PC com 2 G de “disco”? É um absurdo.
    Copiei o diretório C:\Arquivos de Programas para um SD de 8G criando D:\Arquivos de Programas. Depois com a ajuda de um programa editor de Registro, alterei os dados do registro de C:\Arquivos de Programas para D:\Arquivos de Programas e em seguida apaguei o o diretório C:\Arquivos de Programas liberando espaço no disco de Boot C. Mudei também o diretório Meus Documentos de C para D.
    Instalei em seguida o SP3 e fiz os Updates. Em resumo o disco C ficou com o diretório Documents and Setings, Windows e um criado por mim, Programs, onde instalei o Zone Alarm e o AVG já que estes programas não podem ser instalados em unidades removíveis.
    Resumindo, o disco C ficou com 1,5G e o disco D com Arquivos de Programas e Meus Documentos ficou com 1,3G. Está funcionando bem.

    Quanto ao monitor, é muito pequeno e embora a tela tenha o formato 16/10 não se pode configurar com uma resolução compatível (800/300 ou 1024/640) já que a resolução 800/600 e 1024/768 é para monitores com o formato 4/3, fazendo que as imagens fiquem distorcidas, achatadas. Mais uma decepção.
    Outro ponto decepcionante é a forma de se efetuar a recuperação. Para criá-lo, alem do pendrive (não fornecido) é necessário um micro com drive de DVD e Windows XP Pro, o que é um absurdo. A Positivo deveria fornecer o pendrive para recuperação (um pendrive de 2G custa cerca R$ 20).
    O pendrive criado é um Windows Vista PE, que não permite criar o SO num outro pendrive. Lamentável.
    Em outras palavras, se pudesse o Mobo da Positivo seria devolvido.

  4. BOA TARDE – QUAL O MODO MAIS PRÁTICO DE INSTALAR WIN XP NO MOBO JÁ TENHO OPEN DRIVE COM BOOT WIN98 E A PASTA DO I386 DENTRO DELE. O QUE DEVO FAZER DAÍ EM DIANTE. TEM UM TAL DE SMATDRV.EXE QUE PEGOU E NÃO CONSIGO VISUALIZAR O CARTÃO 2GB DELE.
    AGUARDO UMA DICA

  5. Olá Rafael,
    Cara, por pendrive eu já percebi que ele dá o boot, mas por Cartão SD vc já conseguiu?
    Eu adoro meu MOBO, mas gostaria de instalar o Windows no Cartão SDHC (uso um de 16 G).
    Naquela listinha de boot apertando F2 durante a inicialização não consegui identificar qual é a referente ao cartão de memória e, mesmo assim, testei uma a uma e nada do boot pelo cartão.
    Você já chegou a tentar mesmo, e, conseguiu esse boot pelo cartão? Em caso positivo, me dá uma dica…
    Obrigado pela resposta anterior e parabéns pelas ótimas informações aqui disponibilizadas que me ajudaram muito a escolher pelo MOBO.
    Abração.

  6. Repetindo a pergunta do Alessandro:
    O mobo possui boot por cartao sd, igual ao eeepc?
    Em caso positivo, ao teclar F2 durante a inicialização, como é que faz?
    André.

  7. Luis,

    Faz sim. Ele tem rede sem fio e uma entrada pro cabo de rede do seu link ADSL ou Cable Modem. Se quiser, você também pode comprar um Modem 3G USB e acessar a internet em alta velocidade onde quer que haja um sinal de celular (claro, se houver cobertura 3G no local). Em termos de conexão, não falta nada no Mobo.

  8. Estou pensando em comprar um MObo,mas li na ficha técnica que a conexão
    internet é para linha discada.Não faz conexão com banda larga?

    [],s
    Luis

  9. ola amigos,,,,,,,,
    estou a procura de de notebook mobile e gostaria de saber se o mobo da para colocar um drive de cd/dvd?/?

  10. MOBO e MODEN da 3G daClaro?
    Sou professor universitário e pretendo adquirir 1 MOBO. a razão é o tamanho e a praticidade: inclusive de lavá-lo para a sala de aula com anotações, dados, notas, etc. Porém tenho 1 dúvida: uso um MODEN da claro de 1. O CD de instalação é de 24,27 k..Será que eletrabalhará normalmente com o MOBO? Outra coisa, o aparelho que examinei num supermercado da minha cidade mostrava 1,8 G livres e tinha a mesma configuração e XP instalado que vcs. estão tratando acima…? Abraços a todos.

  11. olá amigos trabalho com ensino e pesquisa, não domino a área de informátics e tudo que sei é muito básico, o que posso dizer e que comprei o Mobo, por vários motivos já citados, softwares pré-instalados, teclado e manutenção etc,,,entretanto o que pesou mais é que posso escondê-lo melhor ou disfarçá-lo, parece uma agenda comum, desperta pouca atenção, e se mesmo assim me furtarem ou roubarem perco apenas 999,00 reais e não 2.800 do meu notebook original que agora posso deixá-lo em casa sem preocupar-me com uma possível perda. Abraços em geral…

  12. Henrique,

    Dá pra mudar a resolução sim, é só usar o painel de controle do Windows (ou o utilitário com o logo “S3” perto do relógio na barra de tarefas). Quanto aos seus pontos sobre o Mobo, realmente o teclado com ç e (pro público em geral) XP pré-instalado fazem uma boa diferença. Como disse em outro post, acabei optando pelo Eee PC pela compatiblidade melhor com o LInux e mais espaço no na flash interna. Ah, e ambos tem webcam, praticamente idêntica.

  13. Rigues,

    Você sabe se é possível trocar a resolução de tela para 800×480, ou seja, a nativa wide? Acho isso fundamental. Detesto ver imagens, fotos, ícones distorcidos na tela. Acho que o Mobo é uma opção interessante ao Asus EeePC: 1) O Mobo é brasileiro, dá emprego aqui; 2) Dá pra pagar em mais vezes; 3) O teclado vem com ç e acentos nos lugares certos (fundamental pra quem quer digitar com rapidez e acentuação correta); 4) A maioria de meus programas* roda em Windows XP e ele já vem com uma versão oficial; 5) Acesso ao Aurélio por 1 ano; 6) Ele já vem com webcam; etc.

    Sou professor de engenharia e muitos aplicativos e simuladores que uso só rodam em XP. Vou fazer uma seleção dos mais importantes (em versão resumida) e instalar em um cartão de memória adicional.

  14. Asus ou Mobo é tudo feito no mesmo quarteirão na China, mas, tem duas coisas que ninguém fala aqui, os teclados são iguais, porém, só um tem cedilha e o que um perde em HD e o outro ganha no processamento, portanto enquanto o novo tão falado Asus não sair,provavelmente, bem mais caro não há grandes diferenças, fora o parcelamento das casas bahia.

  15. Gostei do seu Blog, apesar de me decepcionar com o MOBO, que devia ser chamado ROBO, pois por R$1000 tem pouca memoria e expansividade. Vale pela novidade.
    Desculpe-me de explorá-lo, mas gostaria de saber se há em Pinheiros/Butantã alguma loja ou oficina de manutensão de macintosh [ibook PPC]. Agradecido, Paltonio

  16. Rigues, você não entedeu: eu não compro coisas que vêm com Windows pré-instalado. Quantos desses R$1k são pro Windows? E eu não vou usar, e tenho que pagar do mesmo jeito.

  17. Depois que você viaja a primeira vez com um quilo em vez de três nas costas, passa a entender a delícia de um subnotebook. hehehe.

    Rigues: o Eee PC 900 é mítico para nós que moramos no Terceiro Mundo. Se morássemos na Inglaterra ou nos EUA não teríamos esse problema 😛

  18. Gabriel,

    Agora você começou a entender o espírito da coisa. Falando na bolsa de quinquilharias (tenho a minha com guarda-chuva, câmera, gravador de voz, leitor de cartões, bloco de notas, canetas, carregador de pilhas e outras tranqueiras), você preferiria carregá-la como está ou com 1.5 Kg a menos? Pense bem, liberando peso dá pra carregar MAIS quinquilharias 😛

    Quanto ao “affair”, não vejo nenhum. A Positivo é uma empresa como qualquer outra, que está investindo “pesado” em seus produtos, tentanto atingir as classes mais baixas (eles mesmos afirmam que a Classe C é o próximo grande passo, e lá preço é o que importa, apesar das configurações modestas). É óbvio que os preços menores e maior exposição (em lojas, comerciais de TV, eventos para a imprensa) geram interesse da mídia.

    Falando da qualidade, vale lembrar que a Positivo não cria as próprias máquinas. Ela compra os “kits” de fabricantes como a Clevo, Uniwill, Mitac e outros, e monta o produto aqui. Assim como outros fabricantes como a CCE, Amazon, Microboard e afins. E o caso do .AVI, pela minha experiência, parece ser isolado. Tenho um Positivo M25 (notebook com Celeron de 1.4 Ghz e 512 MB de RAM, vídeo Intel) que roda AVI/DiVX (e DVDs) sem problemas, cansei de usar esse recurso durante viagens.

    Por fim, ainda não vi um X300, mas estou bem curioso. E salgado por salgado, o MacBook Air passa dos R$ 6.000 por aqui. Quando você compra uma máquina ultra-fina, sua carteira também se transforma e fica tão fininha quanto :).

  19. Sim Rigues… eu concordo… a categoria é diferente… mas mesmo assim, sei-lá… eu comparo muito a questão de preço. Em relação ao peso… tá, concordo… mas levamos tantas quinquilharias na mochila que chegamos a esse peso fácil.

    Desculpa Rigues, to sendo parcial, não vejo muito sentido no “affair” que a imprensa brasileira está com a positivo. Acho que os micros deles bem precários mesmo. Falta alguém para iniciá-los em “noções de acabamento” de produtos.

    Além disso, já vi um positivo chiar só para rodar um *.avi, foi colocado o video para tocar e a máquina quase saiu correndo, de tanto que sofreu para renderizar as imagens(note: era um celeron parecido com o meu, e constantemente vejo videos no note sem maiores problemas. Claro, não é a mesma coisa que um Core Duo por exemplo, mas dá para assistir na boa(tanto em ambientes MS quanto Linux).

    Então, nessa categoria, eu ficaria com o EEEPC ou o HP, achei bem bacana.

    *****
    Mudando um pouco de assunto! Já viste o Thinkpad X300? Bem melhor que o MacBook Air, eu me apaixonei por ele, quase vendo algumas coisas pra comprar. Mas o preço tá meio salgado ainda. Tem um video no Youtube ironizando com o MacBook Air.

  20. Boiko,

    Brasil, lembra? O Mobo é o notebook mais barato do mercado, falando em preços oficiais. E quanto ao XP SP2, não duvido nada que uma das distros Linux para o EeePC (como o eeeXubuntu) possa ser modificada sem muito esforço pra rodar no Mobo. É uma das coisas que pretendo testar assim que eu puser as mãos em um com mais tempo.

    Aliás, acho que com Linux dá até pra fazer um truque legal. Um LVM entre a Flash interna e um cartão SD, combinando os dois para criar um único “discão” lógico com mais espaço que os 2 GB iniciais.

  21. Oi César,

    Os specs são quase os mesmos, realmente. Mas o Mobo é oficialmente mais barato que o EeePC, provavelmente será mais fácil de encontrar (pense hipermercados e Casas Bahia) e o serviço de atendimento ao consumido da Positivo no Brasil é maior que o da ASUS.

    Mas se você me der uma escolha entre o Mobo e o mítico EeePC 900 (cadê? cadê?), com preços similares, a coisa muda de figura.

  22. Gabriel,

    Leia de novo o segundo parágrafo do texto. Se você quer desempenho, o Mobo não é uma máquina pra você. Não dá pra comparar ele com esse CCE, o foco é tamanho e peso, não poder de processamento.

    Seu CCE (imagino que seja o J-48FA) pesa 1,5 Kg a mais que o Mobo e é quase 10 cm maior em cada dimensão (largura x profundidade). E para o público do Mobo, ESSES são os números que importam: eles querem menos peso e volume na mala para carregar por aí, com poder de processamento “suficiente” para escrever um texto e mandar fotos para o Flickr.

    Se você quer comparar máquinas e preços, tem que comparar o Mobo com o ASUS EeePC, MSI Wind, Everex Cloudbook ou HP Mini-Note. Essas sim são máquinas na mesma categoria.

  23. Oi Rigues,

    Achei caro o subnotebook. Por mais 100 reais, quase na mesma categoria, mas melhor, comprei um Celeron 530 com 1GB de RAM e 80GB de disco, da CCE.

    Sinceramente, comparar positivo e CCE dá quase no mesmo.

    Abraço,

  24. Tá, mas a pergunta que não quer calar é: porque eu compraria um Positivo Mobo e não um Asus Eee PC? Não vejo vantagem no Mobo. Talvez porque ‘oficialmente’ custe R$300 a menos que o Eee PC 4G?

  25. 915 MB estavam livres para usuário: o resto era ocupado pelo Windows XP SP2
    ocupado pelo Windows XP SP2
    Windows XP SP2
    Windows

    DO NOT WANT!!.

    E—R$1k por um subnotebook? wtf.

Leave a Reply to SSF Cancel reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *